Cotidiano
templates/template-single-article-texto
block/article/header
Cotidiano Compartilhar
aumento

Índia proíbe exportações de trigo e pão pode ficar ainda mais caro

De um dia para o outro, na Bolsa da Chicago, commodity valorizou 6%

block/article/social-network
block/article/content__sidebar
Índia proíbe exportações de trigo e pão pode ficar ainda mais caro
Trigo é a principal composição de vários produtos alimentícios | Pixabay

Depois que ondas de calor diminuíram a produção e causaram valorização recorde do trigo, a Índia proibiu as exportações do produto. Analistas de mercado dão duas explicações: medo de ficar desabastecida e estratégia para vender depois com negociações mais vantajosas.

Cerca de 1,8 milhão de toneladas estão paradas nos portos. Somente as compras lastreadas em cartas de crédito (LCs) emitidas antes de 13 de maio podem prosseguir, informou o governo indiano.

A notícia elevou os preços dos contratos futuros da commoditie na Bolsa de Chicago para o limite diário de 70 centavos de dólar por bushel, uma alta de 6% em relação ao dia anterior.

Os compradores globais estavam apostando em suprimentos do segundo maior produtor de trigo do mundo depois de interrupções na oferta da região do Mar Negro, por conta da guerra na Ucrânia.

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Entre no grupo do SCC10 e receba as principais notícias da sua região pelo WhatsApp

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp

block/article/query-columnist
publicidade
publicidade
block/article/social-network
block/general/block-plus-news

Veja mais