Segurança Compartilhar
Urgente

Encontrado corpo de balseiro que desapareceu no rio Uruguai entre SC e RS

O corpo estava desaparecido há seis dias

• Atualizado

Redação

Por Redação

Foto: LS Fotografias/Divulgação
Foto: LS Fotografias/Divulgação

Na manhã desta terça-feira (24), por volta das 11h15, foi localizado o corpo do balseiro Flávio Tobaldini, que desapareceu no alto rio Uruguai, na divisa de Bela Vista do Toldo com Marcelino Ramos no RS, na última quarta-feira (18).

De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina, ele não estava dentro do rebocador, mas o corpo foi encontrado aproximadamente 15 km rio abaixo, do local onde a balsa naufragou.

O Major BM Ilton Schpil, que comandou a Operação juntamente com o Maj Bauer do CBMRS reforçou que, trazer o corpo do senhor Flávio aos familiares foi possível pela união de esforços entre bombeiros e outros órgãos de segurança de Santa Catarina e Rio Grande do Sul e ainda do apoio da empresa Engie, que administra as barragens de Machadinho e Itá, que fechou as comportas, permitindo que os mergulhadores trabalhassem com mais segurança no local.

As buscas foram coordenadas pelo Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC) em Joaçaba e contou com o apoio do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul (CBMRS), Corpo de Bombeiros Militar do Paraná (CBMPR), Marinha do Brasil, Brigada Militar do Rio Grande do Sul, Batalhão Ambiental da Brigada Militar do Rio Grande do Sul e empresa que atua na administração das barragens de Machadinho e Itá.

Como Flávio era natural do Rio Grande do Sul, o corpo deve ser levado ao IML do estado. Assista ao vídeo:

Vídeo: Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina/Divulgação

Entenda o naufrágio da balsa

Na quarta-feira (18), por volta das 7h, uma balsa saiu do município de Alto Bela Vista, em Santa Catarina, sentido Marcelino Ramos, no Rio Grande do Sul, transportando um caminhão com carga de tijolos.

Estavam na balsa três pessoas: o condutor da balsa, o marinheiro e o motorista do caminhão. Ao adentrar o rio, devido a correnteza, houve um emborcamento que levou ao naufrágio da balsa. O motorista do caminhão e o marinheiro conseguiram nadar para cima da balsa que havia virado.

Eles foram resgatados por populares. Devido a essa correnteza, a balsa desceu em torno de 1 km abaixo do ponto onde naufragou.

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×