Saúde Compartilhar
DENGUE

Joinville registra sétimo óbito por dengue e mais de 2 mil casos em menos de uma semana

Na última quinta-feira (22), o município registrava a sexta morte por complicações da dengue e 1.993 mil casos

• Atualizado

Sarah Falcão

Por Sarah Falcão

Foto: Pixabay (banco de imagens)
Foto: Pixabay (banco de imagens)

Nesta segunda-feira (26), a Prefeitura de Joinville confirmou o sétimo óbito em decorrência de dengue. A vítima, um homem de 80 anos, era morador do bairro Anita Garibaldi e faleceu no dia 22 de fevereiro.

Segundo a Prefeitura do município, o óbito foi registrado em um Hospital da Rede Pública e a vítima tinha comorbidades. O painel da dengue, disponível no site da Prefeitura de Joinville, aponta 2.292 casos confirmados, já os casos descartados o número chega a 8.808.

Vacina contra a dengue

O município de Joinville iniciou a aplicação da vacina contra a dengue no sábado (24). Santa Catarina recebeu, na noite de quarta para quinta-feira (21 e 22), a primeira remessa com 29.100 vacinas que serão utilizadas para aplicação da primeira dose (D1) em crianças de 10 e 11 anos de 13 municípios da região. A Secretaria de Estado da Saúde (SES), através da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), fez a distribuição das vacinas na quinta-feira (22).

Desse montante, 15.701 doses foram destinadas para Joinville. A partir desta segunda-feira (26), a vacina estará disponível nas Unidades Básicas das regiões da cidade, com exceção da UBSF Jativoca, Comasa e João Costa, que atuam como Sentinela para atendimento da dengue.

Os horários de funcionamento das UBSFs estão disponíveis no site da Prefeitura de Joinville. Para receber a vacina, é preciso apresentar documento, Carteira de Vacinação e Cartão Nacional de Saúde do pré-adolescente, além de documento do responsável e chegar na UBSF pelo menos 30 minutos antes do horário de fechamento.

A imunização contra a dengue é composta por duas doses, aplicadas com intervalo de três meses entre a primeira e a segunda. Não pode receber a vacina pré-adolescente que teve dengue há menos de seis meses ou que esteja com suspeita de dengue, febre ou sintomas gripais.

Com supervisão de Vitória Hasckel


>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×

    Este site é protegido por reCAPTCHA e Google
    Política de Privacidade e Termos de Serviço se aplicam.