Saúde Compartilhar
Dor e vômito

Florianópolis enfrenta epidemia de diarreia, confirma Saúde da Capital

Município já contabiliza quase 600 casos.

• Atualizado

Redação

Por Redação

Florianópolis está enfrentando uma epidemia de diarreia, com quase 600 casos registrados, conforme atualização desta sexta-feira (6), da Secretaria de Saúde do município. Na primeira semana de 2022, a cidade havia registrado cerca de 200 casos, agora, o município já está com 587 casos, deste 487 somente na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Norte.

A causa da crescente dos casos ainda não foi confirmada. A prefeitura diz que as principais características dos casos é serem leves e frequentemente associados a dor abdominal e vômitos.

O município ressalta que a população pode continuar procurando atendimento nas UPAs.

Florianópolis registra 450 casos de virose em apenas um mês

Neste início de temporada, a Secretaria de Saúde de Florianópolis constatou um aumento de 50% dos casos de virose em comparação ao mesmo período em 2022. O grande número de casos de diarreia e problemas intestinais foi notado desde dezembro pelo órgão, com 450 casos registrados em um mês.

A gerente de vigilância epidemiológica da Capital, Ana Cristina Vidor, alerta os moradores e turistas para, entre outras coisas, não frequentarem praias que a balneabilidade não esteja liberada, pois isso aumenta o risco de doenças.

A profissional também lembra a importância de manter as mãos limpas e verificar a origem dos alimentos. O hábito de beber água tratada e de fonte segura é outro cuidado que deve ser reforçado neste período.

Veja o alerta do órgão:

Confira a entrevista com a médica:

Com informações e entrevista de Paulo Henrique.

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×