Cotidiano Compartilhar
Saiba como!

Moradores de cinco cidades da Serra Catarinense podem fazer o saque calamidade

O último município liberado foi São José do Cerrito, onde ocorreram enchentes e deslizamentos.

• Atualizado

Rádio Clube FM

Por Rádio Clube FM

Foto: Marcello Casal Jr | Agência Brasil
Foto: Marcello Casal Jr | Agência Brasil

Moradores de cinco cidades da região da Serra Catarinense estão autorizados a fazer o saque calamidade do FGTS após as chuvas de outubro e novembro. O último município liberado foi São José do Cerrito, onde ocorreram enchentes e deslizamentos.

No saque calamidade, o trabalhador consegue retirar até R$ 6.220 da conta do FGTS. Para isso, o caminho mais fácil é pelo aplicativo de celular do FGTS, mas quem não tem pode ir a uma agência do banco.

Veja as cidades autorizadas a sacar o FGTS:

  • Bocaina do Sul;
  • Lages;
  • Otacílio Costa;
  • São José do Cerrito;
  • São Joaquim.

E o alerta para temporais segue entre esta terça e quarta-feira, de acordo com a Defesa Civil catarinense.

As condições de chuvas intensas e volumosas permanecem especialmente para as regiões da Grande Florianópolis, Baixo e Médio Vale do Itajaí, Litoral Sul e Planalto Sul, segundo o meteorologista da Defesa Civil de Santa Catarina, Fernando Rafael.

As chuvas causam estragos também nos estados vizinhos. No Rio Grande do Sul, a Defesa Civil informou que cerca de 700 mil pessoas foram afetadas desde 15 de novembro.

Como fazer o saque calamidade

O saque calamidade pode ser feito por meio do aplicativo APP FGTS ou em uma agência da Caixa Econômica Federal.

Aplicativo FGTS

Após baixar o aplicativo, o trabalhador deve agir da seguinte forma:

  1. Ao acessar o APP FGTS, clique na opção “Meus Saques”; ​
  2. Escolha a opção “Outras Situações de Saques”; ​
  3. Selecione o motivo do Saque “Calamidade Pública”; ​
  4. Selecione o munícipio em que mora e clique em​ “Continuar”; ​
  5. Escolha uma das opções para receber seu FGTS​: crédito em conta bancária de qualquer instituição ou sacar presencialmente;
  6. Mande dentro do aplicativo os documentos pedidos;
  7. Confira os documentos anexados e confirme; ​
  8. A Caixa Econômica Federal irá analisar a solicitação. Caso esteja tudo certo, o valor será creditado na conta.

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×