Entretenimento Compartilhar
o segredo para viralizar

Confira 3 passos para viralizar no TikTok

Não há fórmula para viralizar no TikTok, mas há método

Por

• Atualizado

TikTok. Foto: Pixabay (banco de imagens)
TikTok. Foto: Pixabay (banco de imagens)

O TikTok, que se posiciona como plataforma de entretenimento, tem mais de 1 bilhão de usuários ativos por mês e é o novo hub de todos os virais que rolam no Brasil.

Não há fórmula para viralizar no TikTok, mas há método. Gabriela Comazzetto, head de soluções globais do TikTok para América Latina, deu algumas dicas para marcas que buscam viralizar na plataforma, durante uma entrevista no podcast Café com ADM. Ela falou sobre sua carreira e trouxe dicas fundamentais para pessoas e marcas que buscam o seu primeiro hit na plataforma.

“Precisamos estar atentos às mudanças o tempo todo. A tecnologia traz muitas mudanças positivas e a gente precisa saber reagir a elas”, afirma. Para ela, qualquer um pode bombar no TikTok, mas é necessário entender a plataforma e os diversos públicos que estão nela.

Plataforma de entretenimento, não rede social

O segredo para o seu conteúdo aparecer no feed de outras pessoas é a qualidade, não o número de seguidores que você tem. Diferente de outras redes, como Instagram ou Facebook, o TikTok não foi concebido para os usuários acompanharem atualizações de amigos, e sim para oferecer entretenimento de forma descentralizada.

“É uma plataforma feita por todos e para todos, que reforça a importância da autenticidade. Se você gosta de esportes, de música, de notícias, de finanças, de educação, tem conteúdo para todo mundo”, explica a executiva.

O conteúdo criado pelos usuários, prossegue, não está limitado às suas respectivas redes de contatos. “O grande diferencial é o conteúdo. Quanto mais relevante ele for, mais espaço na plataforma você vai ter. Portanto, todo mundo, seja um criador, um usuário comum ou uma marca, pode viralizar”.

Como viralizar no TikTok em 3 passos

Tendo a qualidade e a relevância do conteúdo como parâmetros principais, o resto é consequência. Mas há três pilares que podem ajudar as pessoas e marcas a atingirem um público maior no TikTok.

1. Testar e aprender

Por ser uma plataforma de entretenimento, o TikTok tem forte apelo audiovisual. Por isso, é necessário criar posts articulando imagens, músicas e sons para comunicar mensagens de forma leve e divertida.

A frequência de posts, tempo de vídeo e tipo de conteúdo também devem ser ajustados de acordo com as testagens. Comazzetto elenca algumas questões que devem ser elaboradas pelos criadores para nortear a criação e publicação de conteúdos.

“Quantos vídeos posto por semana? Qual o tom desses vídeos? Qual a duração? A mensagem principal vem no começo, no meio ou no fim? Que tipo de música estou utilizando”, instrui a executiva.

2. Dar atenção às tendências e comunidades

Como dica para as marcas, Gabriela reforça que o TikTok está ditando tendências e que os negócios precisam ficar atentos ao que está rolando por lá para entrar nas conversas.

“Minha dica é: estejam atentos às tendências. Participem da comunidade para entender o que é relevante para o usuário e para o seu consumidor final”, pontua.

Comazzetto conta ainda que cada tipo de conteúdo tem uma comunidade no TikTok. “Existe um tok para cada pessoa. Estando atendo aos sinais, você pode entender o que elas estão conversando, o que é relevante para elas, que tipo de assunto, produto e serviço interessam e, assim, trazer sua comunicação mais assertiva para essa comunidade”, diz.

3. Utilizar músicas

Se você parar e analisar os últimos vídeos virais do TikTok, vai encontrar algo em comum: em todos eles, os sons utilizados são fundamentais para gerar engajamento. “É uma plataforma de entretenimento, som é algo muito poderoso”, afirma.

Utilizando essas dicas, Comazzetto conta que ela própria já conseguiu viralizar. Com apenas 500 seguidores, emplacou milhões de views em poucas horas. “Usei uma música poderosa, uma legenda que chamou a atenção da comunidade, usei uma trend do momento e esse mix fez com que meus vídeos fossem para 8 milhões de visualizações. Esse potencial é real para qualquer usuário”, considera.

>>> PARA MAIS NOTÍCIAS, SIGA O SCC10 NO TWITTERINSTAGRAM E FACEBOOK

Leia Também


publicidade
publicidade

Veja mais