Cotidiano Compartilhar
"desolado"

CEO da T4F faz pronunciamento sobre turnê da Taylor Swift no Brasil pedindo desculpas

O empresário se disse "desolado" pela morte de Ana Clara Benevides, que ocorreu na sexta-feira (17)

• Atualizado

SBT News

Por SBT News

Foto: Reprodução/Redes Sociais.
Foto: Reprodução/Redes Sociais.

O CEO da empresa Time for Fun (T4F), Serafim Abreu, divulgou vídeo em suas redes sociais, nesta quinta-feira (23), pedindo desculpas pela conduta da empresa durante a primeira parte da turnê brasileira da cantora americana Taylor Swift, no Rio de Janeiro, na última semana.

Abreu falou a respeito da forte onda de calor que atingiu a cidade no final de semana em que a cantora estreou a The Eras Tour no país e afirmou que a empresa irá implementar medidas para se adequar à realidade causada pelas mudanças climáticas.

“Sim, reconhecemos que poderíamos ter tomado algumas ações alternativas, adicionais a todas as outras que fizemos, como, por exemplo, criar locais de sombra nas áreas externas, alterar o horário dos shows inicialmente programados e enfatizar mais a permissão de entrar com copos de águas descartáveis”, completou.

No pronunciamento, o empresário se disse “desolado” pela morte de Ana Clara Benevides, que ocorreu na sexta-feira (17), após a estudante passar mal dentro do Estádio Engenhão, durante o primeiro show de Swift.

O executivo classificou a morte de Ana Clara como uma “fatalidade”, ocorrida pela primeira vez na trajetória da empresa, e afirmou que a T4F está à disposição da família da jovem.

“Infelizmente, pela primeira vez em mais de 40 anos de atuação, tivemos uma fatalidade em um evento organizado pela Time for Fun. Estamos absolutamente desolados, muito tristes com a perda da jovem Ana Clara, apesar do pronto atendimento e de todos os esforços realizados pelas equipes médicas no evento e no hospital. À família de Ana Clara quero expressar os nossos mais sinceros sentimentos. Coloco aqui, agora publicamente, a nossa disposição em prestar assistência no que for necessário, como já dissemos diretamente para os membros da família e para o advogado que os representa, por telefone, por escrito, desde o ocorrido”, afirmou.

Ana Clara Benevides era fã declarada de Taylor Swift e tinha 23 anos. A jovem saiu do Mato Grosso, onde era estudante do curso de Psicologia da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR), especialmente para assistir ao show da cantora no Rio de Janeiro.

Assista ao pronunciamento:

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×