Cotidiano Compartilhar
Voltaram atrás

Após pedido de rescisão, médicos do HRO renovam contratos

Seis dos oito médicos da UTI Pediátrica do Hospital Regional do Oeste haviam pedido rescisão do contrato

• Atualizado

Redação

Por Redação

Foto: HRO | Divulgação
Foto: HRO | Divulgação

Médicos da UTI Pediátrica do Hospital Regional do Oeste (HRO), que haviam pedido rescisão do contrato de prestação de serviço, voltaram atrás e renovaram contrato com a Unidade de Saúde nesta semana. De acordo com o presidente da Diretoria Executiva da Associação Lenoir Vargas Ferreira, Reinaldo Fernandes Lopes, o impasse com os médicos foi superado e não haverá descontinuidade no cumprimento dos contratos.

Segundo os médicos, a decisão inicial, tomada no final de junho, considerava os sentimentos de exaustão e falta de valorização sentidas pelos profissionais e a remuneração atrasada. Contudo, o acordo entre os servidores e a Direção da Unidade fez com que os médicos repensassem a decisão e optassem por manter os contratos em vigor.

“Todos os atrasados serão pagos conforme um cronograma estabelecido de comum acordo com o grupo de médico”, informou o HRO.

Relembre o caso:

>>> Siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×

    Este site é protegido por reCAPTCHA e Google
    Política de Privacidade e Termos de Serviço se aplicam.