Segurança
templates/template-single-article-texto
block/article/header
Segurança Compartilhar
Confira

Veja quem era o motorista que morreu em racha em Florianópolis

Vitima tinha 72 anos e era natural de Santa Rita do Sapucaí, em Minas Gerais

block/article/social-network
block/article/content__sidebar
Veja quem era o motorista que morreu em racha em Florianópolis
Foto: Redes Sociais/Reprodução

Foi identificado o motorista que morreu após um racha no Centro de Florianópolis, na noite de quinta-feira (19). Segundo o jornal A Gazeta do Acre, trata-se do empresário José Maurício Vilela Viana Lisboa, de 72 anos, natural de Santa Rita do Sapucaí, em Minas Gerais, dono de um antigo hotel em Rio Branco, no Acre.

Entenda o acidente

Conforme a Guarda Municipal de Florianópolis (GMF), três veículos participavam do racha quando um deles colidiu com outro carro, que estava parado no semáforo. Os dois passageiros do veículo atingido foram socorridos pelos Bombeiros e pelo Samu. No entanto, devido à gravidade da colisão, o empresário morreu pouco depois. A passageira, esposa de José Maurício, de 39 anos, passa bem e está se recuperando no hospital. O empresário deixa oito filhos.

O motorista do carro que participava do racha não ficou ferido. Ele foi encaminhado à Delegacia de Polícia de Florianópolis e está detido por homicídio doloso.

Em nota, a defesa do motorista preso negou que ele estava realizando um racha e afirmou que lamenta o ocorrido. “Com efeito e conforme restará sobejamente demonstrado, o lamentável episódio foi um infeliz acidente de trânsito, cujas consequências atingiram, em maior ou menor grau, todos os envolvidos”, diz a nota, que informa que o mesmo irá prestar assistência aos envolvidos no acidente.

Confira a nota na íntegra:

“A defesa técnica do motorista envolvido no fatídico acidente, capitaneada pelos Drs. Mathaus Agacci e Anderson Almeida, da banca Agacci & Almeida Advocacia Criminal, informa que o motorista lamenta profundamente o ocorrido e repudia qualquer alegação de ter participado de qualquer espécie de corrida/competição popularmente classificada como ‘racha’. Com efeito e conforme restará sobejamente demonstrado, o lamentável episódio foi um infeliz acidente de trânsito, cujas consequências atingiram, em maior ou menor grau, todos os envolvidos. Registre-se, por fim, que o motorista está absolutamente disposto a prestar toda e qualquer assistência aos demais envolvidos no fatídico acidente, bem assim aos seus familiares”.

Leia também: Motorista que estava no racha é preso por homicídio em Florianópolis.

>> Siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Entre no grupo do SCC10 e receba as principais notícias da sua região pelo WhatsApp

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp

block/article/tags
block/article/query-columnist
publicidade
publicidade
block/article/social-network
block/general/block-plus-news

Veja mais