Segurança Compartilhar
ATRÁS DAS GRADES

Tentativa de feminicídio: homem é preso após esfaquear mulher em Bombinhas

Vítima sobreviveu e já está em casa com os filhos

• Atualizado

Patryck Cachoeira

Por Patryck Cachoeira

Foto: Polícia Civil/divulgação
Foto: Polícia Civil/divulgação

Um homem foi preso preventivamente por tentativa de feminicídio nesta segunda-feira (25), em Bombinhas. Ele é suspeito de golpear a mulher nove vezes com uma faca em agosto, no bairro Canto Grande. A vítima, uma mulher de 27 anos, sobreviveu e está em casa com os filhos.

Segundo informações da Polícia Civil, durante o interrogatório, o homem afirmou ter perdido a consciência durante a tentativa de feminicídio. Ainda segundo a Polícia, o agressor ameaçou um filho menor da companheira, e em seguida, ela teria informado que sairia de casa. O homem então pegou uma faca e desferiu vários golpes na vítima. As facadas atingiram o pulso dela, as costas, a parte de trás da cabeça e outras regiões do corpo. O motivo do crime foi considerado fútil.

A investigação mostra que as crianças que estavam no local presenciaram os acontecimentos e, apesar de os familiares do agressor tentarem impedi-lo de continuar, ele permaneceu atacando a vítima, desferindo mais facadas nas costas dela enquanto ela tentava fugir do local, de acordo com a Polícia Civil.

O Delegado de Bombinhas decretou a prisão preventiva do suspeito, que foi deferida pelo Poder Judiciário. No entanto, o suspeito não foi encontrado. Durante as buscas, foi identificada até uma casa de veraneio com indícios de arrombamento, que possivelmente o autor utilizou como esconderijo por alguns dias no bairro Canto Grande.

O homem foi finalmente localizado no local e encaminhado ao presídio, onde permanecerá à disposição da Justiça e responderá ao processo enquanto estiver preso.

*Escrito sob supervisão de Giovanna Pacheco

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×