Rádio Clube Compartilhar
Condenação

Homem é condenado por manter aves silvestres em cativeiro na Serra Catarinense

As aves silvestres estavam trancafiadas em sete gaiolas na casa do réu

• Atualizado

Carolina Sott

Por Carolina Sott

Foto: Tribunal de Justiça de Santa Catarina, Reprodução
Foto: Tribunal de Justiça de Santa Catarina, Reprodução

Um homem foi condenado por manter seis canários-da-terra e um chuim ilegalmente em cativeiro em cativeiro na Serra Catarinense. Pelo crime ambiental, ele recebeu pena de seis meses de detenção, em regime aberto, reprimenda substituída por prestação de serviços à comunidade.

Segundo a denúncia, a Polícia Militar fazia o patrulhamento pelas ruas do bairro onde o réu residia. Ao avistar os policiais, o homem apresentou comportamento estranho e fugiu sem obedecer a ordem de parada dos agentes, que o acompanharam até a casa. Foi então que viram duas gaiolas com pássaros do lado de fora. A polícia ambiental foi acionada e encontrou na residência outras cinco aves silvestres, todas criadas sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente.

Em juízo, o réu afirmou que foi até o mato para capturar os pássaros com um alçapão e sabia que não poderia mantê-los daquela maneira. Foi concedido o direito de recorrer da decisão em liberdade.

Leia também:

>>> Para mais notícias, siga a Rádio Clube de Lages no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×