Política Compartilhar
afirmação

Zelensky afirma ao SBT que convidou Lula para ir à Ucrânia

O Planalto confirmou o convite, mas disse não haver data para a ida de Lula

• Atualizado

SBT News

Por SBT News

Imagem 1: @ricardostuckert \ Imagem 2: Redes Sociais | Reprodução
Imagem 1: @ricardostuckert \ Imagem 2: Redes Sociais | Reprodução

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, afirmou que convidou o presidente Lula para viajar à Ucrânia. A afirmação foi dada nesta sexta-feira (24) em coletiva de imprensa que marca um ano da invasão russa.

Questionado pelo enviado especial do SBT ao país, Sérgio Utsch, sobre a proposta de paz do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o líder ucraniano disse estar “realmente ansioso” para se encontrar com o petista. Também afirmou querer a ajuda do Brasil para conversar com outros chefes de Estado da América Latina.

“O presidente Lula está tentando juntar países fora da Europa e da América do Norte para facilitar, trazer ambos os lados para a mesa de negociação. Você falou com ele sobre essa proposta? E você sabe que o Brasil está apoiando a Ucrânia na ONU, mas tem uma abordagem diferente em relação às sanções, entregas de armas e munições. O que você espera do Brasil e outros países latino-americanos e quando você vai falar com o presidente Lula?”, questionou Utsch. 

“Eu gostaria muito que ele me ajudasse e me apoiasse com uma plataforma para conversar com a América Latina. Eu estou realmente interessado nisso”, respondeu Zelensky. 

“Eu aprecio bastante que, em alguns aspectos, o Brasil realmente está apoiando a nossa integridade e soberania. Para nós isso é de suma importância, especialmente agora. Eu estou apenas esperando pelo nosso encontro, porque, você sabe, olho a olho, cara a cara, eu serei mais compreendido, a Ucrânia será mais compreendida”, completou.

Na quinta-feira (23), a Assembleia Geral da ONU votou por aprovar a resolução que reafirma a soberania e a integridade territorial da Ucrânia, solicitando a retirada total das tropas a mando de Moscou. O Brasil foi o único do BRICS a votar a favor do texto junto a outros 140 países. 

Procurado pelo SBT, o Planalto confirmou o convite, mas disse não haver data para a ida de Lula ao país. 

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×