Por Elas Compartilhar
Crime

Padrasto confessa que matou enteada enforcada com cabo de carregador em Indaial

Homem disse cometeu o crime por vingança, devido a mãe da jovem estar traindo ele

Por

• Atualizado

Foto: Judson Lima/ Cedida
Foto: Judson Lima/ Cedida

A Polícia Civil de Indaial informou nesta quinta-feira (17), que Rodrigo Pereira Correia confessou ter matado a enteada, uma adolescente de 15 anos, enforcada com cabo de carregador. O crime ocorreu na quarta-feira (16), no bairro Carijós, no Vale do Itajaí.

Segundo informações da polícia, o homem contou que cometeu o assassinato por vingança, devido a mãe da jovem estar traindo ele. O homem é atleta de Jiu Jitsu, por isso aplicou um golpe de leão para mobilizar a menina e depois utilizou um fio de carregador para asfixiá-la. Após o crime, ele ligou para mãe da vítima contando o que fez.

Conforme o delegado, Romildo Parno, durante seu depoimento, ele contou detalhes do assassinato e ainda informou que tinha um relacionamento de pai com a menina há cerca de sete anos. No entanto, perdeu a cabeça no momento do crime. Testemunhas relatam que o relação do casal era boa.

O homem foi encaminhado ao Presídio de Blumenau e deve ser julgado por feminicídio.

>> Siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Veja mais