Cotidiano
templates/template-single-article-texto
block/article/header
Cotidiano Compartilhar
Inclusão

Programa Porta a Porta deve virar lei em Florianópolis

Programa funciona através de agendamento prévio

block/article/social-network
block/article/content__sidebar
Programa Porta a Porta deve virar lei em Florianópolis
Foto: Gean Loureiro Instagram / reprodução.

O projeto Porta a Porta, que tem como missão facilitar a locomoção de cadeirantes que moram em locais de difícil acesso e os levar para atividades relacionadas à saúde, educação e ao trabalho, pode virar lei em Florianópolis.

A iniciativa que começou em dezembro de 2017, é uma parceria entre Prefeitura de Florianópolis e Associação Florianopolitana de Deficientes Físicos (Aflodef).

“Isso vai garantir que mesmo quando esse governo não estiver mais aqui, a prefeitura continuará levando os cadeirantes aonde eles precisam ir”, afirmou o Prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, nas redes sociais.

Dúvidas:

Para ter acesso é preciso fazer um cadastro junto à Associação e solicitar o transporte um dia antes da atividade ser realizada. Para mais informações sobre o funcionamento do projeto e cadastro, é só ligar para o número: (48) 3228-3232.

Entre no grupo do SCC10 e receba as principais notícias da sua região pelo WhatsApp

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp

block/article/query-columnist
publicidade
publicidade
block/article/social-network
block/general/block-plus-news

Veja mais