Meio Ambiente Compartilhar
Fukushima

Japão iniciará despejo de água contaminada de Fukushima no Oceano; veja quando

Em maio, dezenas de japoneses foram às ruas para protestar contra o plano

• Atualizado

SBT News

Por SBT News

Foto: Divulgação/AIEA
Foto: Divulgação/AIEA

O governo japonês deve iniciar em agosto o despejo da água contaminada da usina nuclear de Fukushima no Oceano Pacífico. A divulgação da data, informada pelo jornal local Nikkei, acontece um dia após o país receber aval da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) para realizar a liberação do líquido – que está sendo tratado.

Agora, o primeiro-ministro Fumio Kishida procura obter a aceitação tanto nacional quanto internacional para realizar o plano. Isso porque o despejo é criticado por ambientalistas e pescadores, que temem que o líquido prejudique o meio ambiente e a vida marinha. Em maio, dezenas de japoneses foram às ruas para protestar contra o plano.

A água armazenada na usina de Fukushima foi contaminada em 2011, depois de um acidente nuclear causado por um terremoto e um tsunami. O líquido está armazenado em mais de mil tanques, que, conforme as autoridades, precisam ser desocupados e removidos para que a usina seja desativada – um processo que deve levar de 30 a 40 anos.

Apesar de estar sendo tratada, a Tokyo Electric Power (Tepco), operadora do despejo, afirmou que a água continua com trítio – uma forma radioativa natural de hidrogênio. De acordo com a AIEA, antes de descarregar, a empresa se comprometeu a diluir o líquido para trazer o trítio abaixo dos padrões regulatórios.

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×