Meio Ambiente Compartilhar
Tristeza

Baleia-jubarte é encontrada morta à deriva em praia de SC

Animal foi encontrado em estágio avançado de decomposição

• Atualizado

Redação

Por Redação

Foto: PMP | Divulgação
Foto: PMP | Divulgação

Na tarde deste sábado (10) uma baleia-jubarte foi encontrada morta à deriva na zona de espraiamento, na Praia Grande, em São Francisco do Sul. Populares acionaram o Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS/Univille) para relatar sobre a localização do animal.

Na sequência, uma equipe técnica foi mobilizada até o local e, por se tratar de um animal de grandes proporções, a coordenação do PMP-BS/Univille acionou os parceiros da Secretaria de Obras do município.

Durante o deslocamento dos profissionais, um segundo acionante relatou o deslocamento da carcaça para a praia vizinha, conhecida como “Prainha”. Chegando no local, nossa equipe constatou que se tratava de uma baleia-jubarte (Megaptera novaeangliae) em estágio avançado de decomposição, com 7m de comprimento total estimado.

Considerando a complexidade deste encalhe: condições de segurança da equipe envolvida; praia turística e com estreita largura praial; necessidade de retroescavadeira e caminhão para translocação até um local mais adequado para o enterro; a operação foi adiada para a manhã deste domingo (11).

A prefeitura de São Francisco do Sul juntamente com a equipe PMP-BS Univille realizou o monitoramente do deslocamento da carcaça.

Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos

O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural na Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama.

Esse projeto tem como objetivo avaliar os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos. O projeto é realizado desde Laguna/SC até Saquarema/RJ, sendo dividido em 15 trechos. A Univille monitora o Trecho 05, compreendido entre Araquari a Itapoá.

Encontrou um animal marinho morto ou debilitado? Ligue 0800 642 3341 / (47) 3471 3816 (base) / (47) 99212 9218 (whatsapp).

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×