Economia Compartilhar
Impostos

Haddad confirma volta dos impostos federais sobre o diesel

Segundo Haddad, a medida deve ser atenuada justamente pelas reduções no preço anunciadas pela Petrobras

• Atualizado

SBT News

Por SBT News

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, confirmou nesta terça-feira (27), após reunião com o vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, Geraldo Alckmin, que a partir de janeiro será retomada a cobrança de impostos federais sobre o óleo diesel. Segundo Haddad, a medida deve ser atenuada justamente pelas reduções no preço anunciadas pela Petrobras.

“A partir do dia 1º de janeiro, se você comparar o preço do diesel com o dia 1º de dezembro de 2023, você tem uma queda do preço da Petrobras mesmo com a reoneração”, disse o ministro.

“Pra todo mundo ficar atento pra que alguém desavisado aumente o preço dizendo que tem razões pra aumentar. Não tem razões para aumentar, tem razões para diminuir”, completou.

A Petrobras anunciou nesta terça que irá reduzir o preço do diesel repassado às distribuidoras em R$ 0,30. A medida vale a partir desta quarta-feira (27), quando o combustível vendido pela empresa passará a custar R$ 3,48/litro.

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×