Cotidiano Compartilhar
"Deve ser um casal pobre"

Padre reclama de tapete de casamento em igreja e vídeo repercute na internet

Vídeo gerou várias críticas negativas nas redes sociais

• Atualizado

Olga Helena de Paula

Por Olga Helena de Paula

Foto: Reprodução/Redes Sociais.
Foto: Reprodução/Redes Sociais.

Durante a realização de uma missa no último sábado (06), na Paróquia Senhora Sant’Ana na cidade de Boquim, no Estado de Sergipe, o padre José Raimundo Soares Diniz reclamou de um tapete da decoração de um casamento realizado na igreja. Segundo ele, o item estava fazendo as pessoas escorregarem e, por isso, não seria dada a comunhão naquele local. Ele ainda comentou que a decoração devia ser de um casal pobre.

“Não vou dar a comunhão aqui na nave central porque este tapete está fazendo vocês escorregarem”, comentou o padre. Ele ainda continuou afirmando que: “Foi essa a condição que os noivos tiveram, infelizmente, né. Fazer o quê? A gente percebe que são bem simples, que a arrumação é bem simples. Deve ser um casal pobre”, disse. Assista.

O vídeo foi amplamente divulgado nas redes sociais e os internautas não reagiram bem às imagens. Um dos comentários diz: “Padre, nas Bodas de Caná faltou até vinho e Jesus não humilhou os noivos. Reveja seus conceitos”. Outro ainda disse: “Aos que apoiam esse tipo de “desculpas” não sabem o significado da frase “E se fosse comigo?” As desculpas foram mínimas perto do absurdo que ele falou.” O pároco precisou gravar um vídeo se desculpando pelo ocorrido.

No pronunciamento postado na rede social da paróquia, o padre negou que sua intenção era de discriminar alguém, pois sua vida é de acolher e defender os pobres. Ele ainda pediu perdão ao casal e a Arquidiocese. Assista.

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Quer receber notícias no seu whatsapp?

EU QUERO

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Receba NOTÍCIAS
Posso Ajudar? ×

    Este site é protegido por reCAPTCHA e Google
    Política de Privacidade e Termos de Serviço se aplicam.