×
×

Escolha sua região:

Domingo, 24 de outubro de 2021. Santa Catarina Mude de região ▼
MENU
O portal da notícia
em Santa Catarina.
BUSCAR
Colunistas
MENU
BUSCAR
Colunistas
publicidade
block/single-columnist/block-title

Fabiano Braun

Mestre em Ciências do Movimento Humano, Diretor Técnico da Floripa Runners e Especialista em Trail Run.

[email protected]
block/article/header
Colunistas Compartilhar

Fabiano Braun

05 dicas de ouro para começar a correr hoje mesmo

Se você está pensando em começar a correr, essas dicas podem te ajudar!

block/article/social-network
block/article/content__sidebar
05 dicas de ouro para começar a correr hoje mesmo
Imagem ilustrativa. Foto: Freepik.

Está pensando em começar a correr? Então, antes de colocar o tênis e sair correndo por aí, confira abaixo cinco dicas de ouro para começar a correr sem frustrações.

1. Procure um médico para saber se você está apto para começar essa atividade física.

2. Converse com um profissional de educação física para que ele prescreva o melhor treino para você.

3. Comece aos poucos. Não se preocupe com os outros! O ideal é começar gradativamente, três vezes por semana.

4. Não se importe com a velocidade. Procure seguir as orientações do seu profissional de educação física.

5. Se hidrate! Essa prática é fundamental antes, durante e depois do seu treino.

Estudo aponta que exercício físico pode diminuir efeitos da Covid-19

Em artigo publicado na revista científica americana ‘Infectious Diseases and Therapy’, pesquisadores relataram, após analisar pacientes com Covid-19, que exercícios aeróbicos contribuem para fortalecer a imunidade em geral e o sistema respiratório, podendo minimizar a morbidade e mortalidade decorrentes do vírus.

O estudo foi feito com um grupo de 500 pessoas, com idades entre 18 e 70 anos, que passaram por internação em um hospital de Madrid, capital da Espanha. Os pacientes foram divididos em 2 grupos: sedentários e ativos. Ou seja, os que não praticavam qualquer tipo de atividade física e aqueles que tinham o hábito de se manter em movimento por pelo menos 30 minutos, duas vezes na semana.

Os resultados apontaram que a prática regular de atividade física aumenta em até oito vezes a chance de sobrevivência na internação, se comparado ao grupo sedentário. A taxa de mortalidade registrada foi de 1,8% para os ativos, enquanto que para os sedentários ficou em 13,8%. Além disso, também foi identificado que este segundo grupo teve mais insuficiência respiratória e inflamação sistêmica que o grupo ativo.

O professor e influenciador técnico Walter Oliveira afirma que a prática de atividade física ajuda o organismo a produzir agentes anti-inflamatórios, que vão atuar justamente no reforço da defesa do corpo.

>> Para receber as informações mais importantes do dia pelo WhatsApp, gratuitamente, basta clicar AQUI!

>> PARA MAIS NOTÍCIAS, SIGA O SCC10 NO TWITTERINSTAGRAM E FACEBOOK

block/article/tags
query/article/query-columnist
publicidade
publicidade
block/article/social-network
block/general/block-plus-news