×
×

Escolha sua região:

Terça-feira, 21 de setembro de 2021. Santa Catarina Mude de região ▼
MENU
O portal da notícia
em Santa Catarina.
BUSCAR
Segurança
MENU
BUSCAR
Segurança
publicidade
block/article/header
Segurança Compartilhar

Investigação

Polícia investiga morte misteriosa de ator da novela “Carinha de Anjo”

De acordo com a polícia, tudo indica que Araújo já estava morto há dias.

block/article/social-network
block/article/content__sidebar
Polícia investiga morte misteriosa de ator da novela “Carinha de Anjo”
Foto: Primeiro Impacto/ Divulgação

A polícia segue investigando a misteriosa morte do ator Luiz Carlos Araújo, encontrado sem vida no apartamento onde morava no sábado (11), Araújo atuou em peças de teatro e na novela “Carinha de Anjo”, do SBT.

O ator estava deitado na cama, com um saco na cabeça. De acordo com o delegado responsável pelo caso, câmeras da residência, incluindo no quarto do artista, vão ajudar a solucionar o caso, que é tratado como “morte suspeita”. Segundo a perícia, a porta estava trancada pelo lado de dentro e possivelmente bloqueada na saída.

O apartamento fica na República, bairro do centro da capital paulista. Amigas perceberam que Araújo não respondia mensagens e não atendia ligações e, preocupadas, foram até a residência. Junto com o porteiro, perceberam um odor forte vindo de dentro do local. A polícia e um chaveiro foram chamados para que o acesso ao apartamento fosse possível.

Foram encontrados receitas e medicamentos de uso controlado. Os celulares estavam do lado do corpo e nada foi levado. O porteiro não observou ninguém estranho entrando no prédio e afirmou que viu Arajúo pela última vez na quarta-feira (8). De acordo com a polícia, tudo indica que Araújo já estava morto há dias. O ator era conhecido no meio artístico, sobretudo no teatro, onde estrelou musicais como “Lisbela e o Prisioneiro”.

No SBT, interpretou o personagem Valter, na novela infantil “Carinha de Anjo”, em 2016. Amigos e famosos que trabalharam com Luiz Carlos Araújo lamentaram a morte do artista.

Com informações de Primeiro Impacto


query/article/query-columnist
publicidade
publicidade
block/article/social-network
block/general/block-plus-news