Segurança
templates/template-single-article-texto
block/article/header
Segurança Compartilhar
Apreensão

Polícia apreende quase 100 pássaros silvestres na Grande Florianópolis

Cerca de 100 pássaros da fauna silvestre foram encontrados pela Polícia Civil, em uma residência, no bairro Cachoeira, em Biguaçu

block/article/social-network
block/article/content__sidebar
Polícia apreende quase 100 pássaros silvestres na Grande Florianópolis
Foto: Polícia Civil / Divulgação

Na tarde desta quinta-feira (12), cerca de 100 pássaros da fauna silvestre foram encontrados pela Polícia Civil, em uma residência, no bairro Cachoeira, em Biguaçu, na Grande Florianópolis.

A ação teve o objetivo de apurar a suspeita de crime ambiental, previsto na lei n. 9.605/98, de “ter em cativeiro ou depósito” espécimes da fauna silvestre, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente.

No local foram encontradas diversas espécies de pássaros da fauna silvestre, quase uma centena, sem a devida identificação (anilhas) e permissão, licença ou autorização dos órgãos ambientais competentes.

A Delegacia de Investigação de Crimes Ambientais e Crimes contra as Relações de Consumo (DCAC), da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC/PCSC), cumpriu um mandado de busca e apreensão na residência.

>> Siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

Os policiais conduziram o morador, de 44 anos, foi conduzido à DCAC/DEIC para a lavratura de Termo Circunstanciado (TC) por ter infringido norma criminal da mencionada lei ambiental.

O homem foi liberado e os pássaros foram encaminhados ao Centro de Triagem de Animais Silvestre de Santa Catarina (CETAS – SC) para o devido destino.

Vídeo: Polícia Civil

Confira as fotos:

Entre no grupo do SCC10 e receba as principais notícias da sua região pelo WhatsApp

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp

block/article/tags
block/article/query-columnist
publicidade
publicidade
block/article/social-network
block/general/block-plus-news

Veja mais