×
×

Escolha sua região:

Sexta-feira, 30 de julho de 2021. Santa Catarina Mude de região ▼
MENU
O portal da notícia
em Santa Catarina.
BUSCAR
Segurança
MENU
BUSCAR
Segurança
publicidade
block/article/header
Segurança Compartilhar

Sequestro

Família é feita refém em Chapecó

O crime iniciou ainda na parte da manhã, quando o presidiário invadiu a casa da família.

block/article/social-network
block/article/content__sidebar
Família é feita refém em Chapecó
Objetos apreendidos. Foto: PMSC.

Foram horas de terror para uma família de Chapecó nesta quinta-feira (3). Feitas de refém, o sequestrador amarrou as vítimas e as agrediu com tapas. Ameaças com facas e uma arma de fogo falsa e ameaças de morte foram feitas para toda a família.

O crime iniciou ainda na parte da manhã, quando o criminoso invadiu a casa da família, rendeu uma empregada 22 anos, um adolescente de 17 anos, uma criança de oito anos e uma avó de 70 anos, mais tarde, rendeu também o pai que chegou em casa para o almoço e depois a mãe que foi a última a chegar.

Depois de pegar tudo que queria na casa, o autor mandou que o dono da casa fosse até um banco sacar dinheiro para libertar a família. Foi assim que a vítima conseguiu pedir por socorro, policiais militares foram inicialmente até o banco, na área central da cidade, localizaram o pai e pegaram as informações precisas. Dessa forma, um cerco foi montado na casa, que fica no bairro Maria Goretti.

O sequestrador, ao perceber a presença policial, tentou fugir pelos fundos, pulando muros de outras residências, mas acabou preso pelos policiais que faziam a segurança do perímetro. Foram localizados valores em dinheiro e os objetos usados no crime, facas e um simulacro de arma de fogo que foi abandonado ainda dentro da casa.

Diante dos fatos, o autor foi preso em flagrante e conduzido à Central de Plantão Policial (CPP) de Chapecó, para os procedimentos cabíveis. Como entre as vítimas havia pessoas com menos de 18 anos e mais de 60 anos, a pena prevista é de reclusão de 12 a 20 anos.

O autor do crime é um presidiário de 28 anos, estava de saída temporária de sete dias do presídio e cumpria pena por roubo, estupro e outros crimes.

block/article/tags
query/article/query-columnist
publicidade
publicidade
block/article/social-network
block/general/block-plus-news
Scroll Up