Segurança Compartilhar
vídeo íntimo

Casa do vereador Gabriel Monteiro é alvo de operação da Polícia

Investigação é sobre o vazamento de um vídeo íntimo em que o parlamentar faz sexo com uma jovem de 15 anos

Por

• Atualizado

Foto: Renan Olaz/CMRJ
Foto: Renan Olaz/CMRJ

A Polícia Civil do Rio de Janeiro realizou na manhã desta quinta-feira (7), uma operação contra o vereador Gabriel Monteiro (PL) no âmbito da investigação sobre o vazamento de um vídeo íntimo em que o parlamentar faz sexo com uma jovem de 15 anos. Agentes da 42ª Delegacia de Polícia, no Recreio dos Bandeirantes, zona oeste da capital, vasculham 11 locais ligados a Gabriel Monteiro, entre eles a casa do parlamentar, o gabinete dele na Câmara dos Vereadores, e endereços ligados a assessores e ex-assessores.

Além das investigações da Polícia Civil, Monteiro também é alvo do Conselho de Ética da Câmara Municipal do Rio, que na terça-feira passada abriu um processo que pode resultar na cassação do seu mandato.

O vereador é acusado de estupro por quatro mulheres, de praticar assédio moral e sexual nos funcionários, e é investigado ainda por supostamente manipular vídeos e violar direitos de uma criança em um deles, divulgado pelo parlamentar nas redes sociais. O vereador nega as acusações.

A reportagem tenta contato com a defesa do vereador. O espaço está aberto para manifestações.

>> SIGA O SCC10 NO TWITTERINSTAGRAM FACEBOOK.

publicidade
publicidade

Veja mais