Sábado, 17 de abril de 2021.
publicidade
Coronavírus compartilhar compartilhar

“Eu não posso tolher a liberdade do médico”, afirma Bolsonaro durante evento em Chapecó

O presidente afirmou que não pode interferir nas atividades dos profissionais de saúde


De Redação
Data de Publicação: 07/04/2021 11:10
e atualizado em: 07/04/2021 15:34
Foto: Reprodução, Prefeitura de Chapecó

Por volta das 10h desta quarta-feira (07), no Centro de Eventos de Chapecó, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) participou de um evento ao lado de ministros como Marcelo Queiroga, Augusto Heleno e Onyx Lorenzoni.

A governadora em exercício de Santa Catarina, Daniela Reinehr (sem partido), o prefeito de Chapecó, João Rodrigues (PSD), e a secretária de Saúde do Estado, Carmen Zanotto também estavam presentes e reforçaram as ações feitas para que a cidade saísse do colapso relacionado à Covid-19 nos últimos meses.

O prefeito de Chapecó foi o primeiro a discursar no auditório. Ele falou sobre as ações contra o aumento de casos do coronavírus no município e ressaltou as medidas como o atendimento imediato à população que teste positivo para a doença. “Nós não prescrevemos medicamentos, nós damos liberdade aos profissionais da saúde”, afirmou João Rodrigues.

João Rodrigues agradeceu ainda às ações do Governo Federal relacionadas à cidade, como o envio de 64 milhões de reais para o combate à pandemia no município.

Discurso do presidente

Em seu discurso, o presidente Jair Bolsonaro defendeu que os médicos sabem o que fazer com os pacientes de Covid-19 e que precisam ter liberdade para exercer a profissão. “Eu não sei como salvar vidas, não sou médico, não sou enfermeiro, mas eu não posso tolher a liberdade do médico”, afirmou.

Contrário às politicas de restrição que tem sido implementadas por todo o país, Bolsonaro disse que não concordará com a paralisação e restrição de atividades. “Vamos buscar alternativas. Não vamos aceitar a política do fica em casa, fecha tudo, lockdown“. O presidente garantiu ainda que “não vai ter lockdown nacional”.

O presidente elogiou as medidas adotadas pela cidade no combate à pandemia e disse que espera que o município seja exemplo. “Eu quero que Chapecó seja uma cidade para ser olhada por outras cidades do Brasil”, disse.

Bolsonaro criticou também o foco das informações no país. “Parece que no Brasil só tem Covid. Acabaram as outras mortes, os outros sofrimentos”. Por fim, o presidente disse que o Brasil estará livre do vírus em breve. “Creio em Deus que brevemente estaremos livres disso tudo, finalizou Bolsonaro.

Vídeo: Reprodução/Prefeitura de Chapecó

Galeria:


>> Para receber as informações mais importantes do dia pelo WhatsApp, gratuitamente, basta clicar AQUI!

>> PARA MAIS NOTÍCIAS, SIGA O SCC10 NO TWITTERINSTAGRAM FACEBOOK.

Continua depois da publicidade

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desse site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Se inscrever
Notificação de
guest
0 Comentários
Resposta em linha
Ver todos os comentários
publicidade
Botão Topo Botão Topo
fale conosco
siga-nos
© Copyright 2020 SCC - Sistema Catarinense de Comunicações.