×
×

Escolha sua região:

Domingo, 24 de outubro de 2021. Santa Catarina Mude de região ▼
MENU
O portal da notícia
em Santa Catarina.
BUSCAR
Empreendedorismo
MENU
BUSCAR
Empreendedorismo
publicidade
block/article/header
Empreendedorismo Compartilhar

Novos hábitos

Pensando em abrir um negócio digital? Especialista orienta quem pretende iniciar as vendas virtuais

Um dos maiores benefícios de montar um negócio on-line é a redução de custos com a estrutura física demandada por uma loja.

block/article/social-network
block/article/content__sidebar
Pensando em abrir um negócio digital? Especialista orienta quem pretende iniciar as vendas virtuais
Imagem ilustrativa. Foto: WOCInTech via Nappy.

Após um ano de pandemia, é impossível ignorar as mudanças que esse momento provocou nos hábitos de consumo. No Brasil, de acordo com um levantamento realizado pela Social Miner e All iN, 47% das pessoas que realizaram compras online em 2020 tiveram a primeira experiência nesse tipo de transação. Os setores que mais se destacaram foram beleza, moda e acessórios, eletrônicos e informática que juntos representaram 66% das visitas dos potenciais consumidores e contribuíram para elevar o volume de tráfego nas lojas virtuais. Atender essa demanda que deve permanecer em alta requer adaptação, alerta Ricardo Melo, gerente de marketing da HostGator, multinacional de hospedagem de sites. “O e-commerce oferece uma série de vantagens, mas, como qualquer negócio, requer planejamento e estudo sobre a área que pretende atuar”, pontua.

Um dos maiores benefícios de montar um negócio on-line é a redução de custos com a estrutura física demandada por uma loja, além da praticidade para os clientes, com loja aberta 24 horas por dia na palma da mão. Outra vantagem é que os limites geográficos perdem a relevância, sendo possível expor os produtos para um público muito maior e realizar a entrega por meio de empresas parceiras. “Ideias excelentes de negócio, por vezes, acabam em frustração por falta de um olhar atento a questões essenciais para qualquer empreendimento. Você precisa conhecer o seu produto, seu público e concorrentes. Essa análise de mercado irá orientar, inclusive, qual o tamanho do investimento necessário para tirar o sonho do papel”, acrescenta Ricardo.

Estar preparado para atender a demanda de visitantes, com uma experiência de compra agradável exige alguns cuidados. “O primeiro passo é definir o domínio, o endereço pelo qual os clientes chegarão até a sua loja, verificar a disponibilidade e registrar. Depois disso, é preciso fazer a contratação de um serviço de hospedagem de sites, que irá armazenar arquivos e informações sobre o seu negócio. Por último, você deve definir a plataforma de e-commerce que esteja alinhada com os seus objetivos atuais e futuros”, orienta Ricardo.

Outra questão que não pode passar despercebida é a segurança das informações dos clientes e meios de pagamento.  O Certificado SSL é uma das ferramentas disponíveis de proteção, criptografando os dados trocados entre o navegador e o servidor. No entanto, Ricardo alerta para a importância de utilizar camadas adicionais de proteção. “Buscar vulnerabilidades com scan previne que pessoas mal intencionadas invadam o site. É preciso ainda manter sempre atualizados os plugins, aplicações e módulos, sem contar, claro, com os cuidados com o computador pelo qual você irá acessar a sua loja online, pois um computador que não esteja protegido pode abrir margem para ataques”, complementa.


>> Para receber as informações mais importantes do dia pelo WhatsApp, gratuitamente, basta clicar AQUI!

>> PARA MAIS NOTÍCIAS, SIGA O SCC10 NO TWITTERINSTAGRAM FACEBOOK

block/article/tags
query/article/query-columnist
publicidade
publicidade
block/article/social-network
block/general/block-plus-news