Coronavírus
templates/template-single-article-texto
block/article/header
Coronavírus Compartilhar
Flexibilização

Novo decreto libera reuniões familiares em Joinville

As reuniões precisam atender diretrizes sanitárias para minimizar o risco de transmissão do coronavírus.

block/article/social-network
block/article/content__sidebar
Novo decreto libera reuniões familiares em Joinville
Foto: Prefeitura de Joinville

A Prefeitura de Joinville publicou nesta quinta-feira (15), novo decreto, no qual consta a liberação para reuniões familiares, corporativas e política. O documento deixa claro que será considerado apenas reuniões sem cobrança de ingresso, e que a concentração precisa ser inferior a uma pessoa a cada dois metros no espaço destinado ao encontro.


As reuniões também precisam atender as diretrizes sanitárias para minimizar o risco de transmissão do coronavírus. O organizador da reunião e responsável pelo espaço deve garantir minimamente as orientações abaixo:

  • Na confirmação de presença, informar aos convidados sobre as restrições e cuidados necessários,
    inclusive quanto a proibição de contato físico entre as pessoas, como abraço, aperto de mãos, entre
    outros;
  • Realizar apenas uma reunião por dia, para higienização adequada do ambiente;
  • O controle de acesso dos participantes, com lista de presença;
  • Uso de máscara por todos os participantes e trabalhadores, de forma correta,
  • Disponibilizar álcool 70% na entrada e em pontos estratégicos para higienização das mãos;
  • Realizar a aferição de temperatura corporal,
  • Na recepção, providenciar marcação no piso com distanciamento de 1,5 metros;
  • Os recepcionistas e atendentes devem estar com protetores faciais, além da máscara;
  • Manter a distância de 1,5 metros entre os participantes, exceto para pessoas que coabitam.
  • Priorizar a identificação dos assentos destinados aos participantes, mantendo seu uso, evitando o rodízio destes assentos;
  • Avisos das medidas preventivas, inclusive quanto ao distanciamento, devem estar fixados na entrada, em banheiros e outras dependências;
  • Reunião ao ar livre deve criar um sistema que permita atender as regras de distanciamento social de 1,5 metros, exceto para pessoas que coabitam;
  • Guardar por até 30 dias da realização da reunião, o arquivo com a lista de convidados e de fornecedores para possível comunicação de casos identificados;
  • Manter todos os ambientes ventilados, com portas e janelas abertas, sempre que possível, incluindo, caso exista, os locais de alimentação.
  • Em ambientes climatizados, manter o ar-condicionado com os filtros e os dutos regularmente limpos e a manutenção em dia;
  • Permitir somente o uso de sofás, mesas, cadeiras com superfícies higienizáveis nas áreas comuns como lounges e salas de espera, bem como evitar o seu compartilhamento, reduzindo os assentos para a capacidade de 30% do local, mantendo-se o distanciamento, exceto para pessoas que coabitam;
  • Disponibilizar sabonete líquido, toalhas de papel e álcool 70% em diversos locais para uso dos convidados e fornecedores;
  • Fornecer Equipamentos de Proteção Individual (EPI) adequados, conforme função exercida e normas sanitárias existentes aos seus trabalhadores, proibindo o compartilhamento dos mesmos;
  • Treinar as equipes de atendimento de acordo com as normas sanitárias vigentes, visando atender e orientar os convidados/participantes;
  • Controlar o acesso de pessoas aos sanitários, com aviso de capacidade máxima de usuários;
  • Evitar o compartilhamento de objetos. Quando necessário o compartilhamento de equipamentos como microfones, teclados, mouses, telefones e outros, é necessário higienizar,friccionando o pano com álcool 70% a cada utilização por pessoas diferentes;

Entre no grupo do SCC10 e receba as principais notícias da sua região pelo WhatsApp

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp

block/article/tags
block/article/query-columnist
publicidade
publicidade
block/article/social-network
block/general/block-plus-news

Veja mais