Coronavírus
templates/template-single-article-texto
block/article/header
Coronavírus Compartilhar
Saúde

“Estamos num momento crítico com relação aos leitos de UTI”, diz prefeito de Joaçaba

teste resumo opcional

block/article/social-network
block/article/content__sidebar
“Estamos num momento crítico com relação aos leitos de UTI”, diz prefeito de Joaçaba
Gráfico mostra a ocupação de leitos de UTI destinados à internação por coronavírus no Meio-Oeste catarinense

Segundo avaliação do risco potencial para Covid-19 em Santa Catarina, nove regiões estão em situação gravíssima, a mais alta da classificação. Dentre elas está a região Meio-Oeste, onde quase 100% dos leitos de UTI reservados a pacientes com coronavírus estão ocupados.

Do total de 54 leitos, apenas quatro estão disponíveis para atender os 19 municípios que compõem a Associação dos Municípios do Meio Oeste Catarinense (Ammoc) e a Associação dos Municípios do Planalto Sul de Santa Catarina (Amplasc).

Sobre o assunto, o Jornal do Meio Dia entrevistou o prefeito de Joaçaba, Dioclésio Ragnini. Segundo ele, o município está passando por um momento crítico com relação aos leitos de UTI. Confira:

https://youtu.be/lfvAOyvKRVo

Comissão vai definir ações conjuntas

De acordo com o Ragnini, foi formada uma comissão composta por entidades ligadas à saúde e profissionais da área para avaliar a atual situação. Será essa comissão que vai definir as medidas a serem tomadas para conter o avanço dos casos de coronavírus na região Meio-Oeste. Ainda segundo ele, nenhuma ação será tomada individualmente no município de Joaçaba. Entenda:

https://youtu.be/djvPx1ukMFo

Enquanto as novas medidas não saem do papel, a orientação se baseia em conscientização, com o uso de máscaras e isolamento social. Sobre um possível lockdown, o prefeito de Joaçaba enfatiza que não é a ação desejada, mesmo com o altíssimo risco de contaminação por Covid-19 na região.

Orientações e medidas a serem tomadas pela sociedade em geral segundo orientações do Governo do Estado

  • Higienizar as mãos com frequência
  • Adotar como prática a etiqueta da tosse.
  • Evitar viajar e realizar comemorações com a presença de pessoas que não residem em sua casa.
  • Ficar em casa a maior parte do tempo.
  • Ingerir bastante água e se alimentar de forma saudável.
  • Manter distância de 1,5 metros de outras pessoas.
  • Não participar ou frequentar locais em que possa haver aglomeração de pessoas.
  • Priorizar serviços de delivery.
  • Quando possível adiar consultas, exames médicos, cirurgias e outros procedimentos que possam provocar dano a saúde e a ida a locais onde há pessoas potencialmente doentes.
  • Utilizar máscara em espaços públicos e espaços privados compartilhados.
  • Não frequentar locais que não sigam as recomendação e adequações necessárias para minimizar a transmissão do coronavírus.

Entre no grupo do SCC10 e receba as principais notícias da sua região pelo WhatsApp

Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp

block/article/query-columnist
publicidade
publicidade
block/article/social-network
block/general/block-plus-news

Veja mais