Ana Paula Dahlke

Jornalista e editora-chefe do Economia SC.


Ana Paula Dahlke Compartilhar
Ana Paula Dahlke

Agência de Blumenau desenvolve aplicativos para o Rock in Rio Lisboa

No total, foram quase 20 mil usuários únicos usando os aplicativos durante o evento

Por

• Atualizado

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O Estúdio Lune, agência de Blumenau que cria experiências interativas e gamificadas, desenvolveu dois aplicativos para o Rock in Rio Lisboa, um dos maiores festivais de música do mundo, que contou com quase 300 mil pessoas nos 4 dias do evento. 

O primeiro é o Family Tour, feito para os pais explorarem o evento com seus filhos. Através do mapa, era possível visitar vários pontos para fazer check-in escaneando um código, semelhante a um caça-tesouro. Ao completar o percurso, um kit especial era liberado.

O segundo era o Fun N` Roll, instalado dentro de 24 cabines da roda gigante do evento, com playlists temáticas que acompanhavam a decoração da cabine. Durante o passeio era possível girar uma roleta de brindes direto no aplicativo e retirar um brinde na saída do percurso. 

“O celular atualmente é a ferramenta que nos liga a serviços e, mais importante, as pessoas, por isso foi nosso objetivo entregar uma experiência divertida e fácil para os visitantes deste evento gigante. Temos orgulho do resultado e de pela segunda vez termos a confiança da organização do Rock in Rio Lisboa para desenvolver tecnologia para o evento”, destaca Maycon Souza, fundador do Estúdio Lune.

No total, foram quase 20 mil usuários únicos usando os aplicativos durante o evento.

“A nossa ideia foi criar experiências interativas e não óbvias dentro da Cidade do Rock, justamente para entreter o público durante toda a programação. O Rock in Rio Lisboa tem um público família muito grande e esses aplicativos foram criados para intensificar a conversa entre as gerações. Estamos super felizes e orgulhosos do resultado final e de mais uma parceria de sucesso com o Estúdio Lune”, ressalta Marco Rovela, coordenador de projetos especiais do Rock in Rio.

Tráfego de dados móveis quadruplica

Inevitável, o celular estava sendo muito usado pelos visitantes. Além das fotos e vídeos dos artistas que se apresentaram, os aplicativos e outras soluções tecnológicas bombaram no evento. 

Prova disso é que o total de tráfego de dados móveis na rede Vodafone nos quatro dias da edição quadruplicou se comparado com o volume da última edição, realizada em 2018. 

No último dia do festival, com lotação esgotada, houve um aumento de 250% no tráfego de dados móveis. Neste dia, mais de 54% do tráfego de dados processados foi em 5G.

Na rede fixa instalada no perímetro do evento, o tráfego deste ano foi 10 vezes superior ao da edição de 2018, num total de 30TB.

Sobre o Estúdio Lune

Desde 2006, o Estúdio Lune já participou de centenas de projetos para gigantes nacionais e internacionais, como WEG, McDonald`s, Banco do Brasil, Visa, entre outros. A agência é especializada no desenvolvimento de tecnologias disruptivas, entrega projetos para plataforma web, mobile, realidade aumentada, realidade virtual, sensores de movimento, entre outros. Entre em contato para saber mais pelo e-mail [email protected] ou Whatsapp (47) 99122-6399.

>> Para mais notícias, siga o SCC10 no TwitterInstagram e Facebook.

publicidade
publicidade

Veja mais